1.º Ciclo na Infancoop

1.º Ciclo na Infancoop

segunda-feira, 15 de abril de 2013

A maior flor do mundo


       Num dia de sol e calor, um menino e o seu pai passeavam de carro por uns campos de trigo. O pai estava à procura de uma árvore para levar para casa e plantar no seu jardim.

        Pararam o carro numa colina onde estava um senhor a explorar a natureza. O pai encontrou a árvore que procurava e arrancou-a. Enquanto o pai arrancava a árvore, o menino ficou curioso ao ver um besouro que por ali passava. Resolveu apanhá-lo e colocá-lo numa caixa com furos para que ele pudesse respirar. O besouro ficou tão assustado que fingiu que estava morto na esperança de o menino o deixar.

        Assim que chegaram a casa, o menino quis mostrar à mãe o besouro mas a mãe estava muito atarefada e não lhe deu atenção. Distraído, abriu demasiado a caixa e o besouro aproveitou a oportunidade para sair em liberdade. O menino ficou tão aflito que não resistiu, aproveitou que os pais estavam distraídos, e foi atrás do besouro passando pela zona perigosa da aldeia.

        O menino seguiu os sinais de perigo, passou por um pequeno rio de água verde cristalina, seguiu em frente pela floresta e encontrou uma árvore enorme e quis tocar nela. Passou por campos de flores e apreciou as mais belas borboletas que já tinha visto… O menino andou tanto que foi dar ao sítio onde o pai tinha arrancado a última árvore que restava. Qual não foi o seu espanto ao ver uma flor sozinha, sem sombra e completamente murcha. O menino como era bondoso resolveu ir buscar água ao rio onde tinha passado. Fez um esforço enorme porque foi várias vezes ao rio buscar água para ajudar a flor a sobreviver.

A flor com a água e com a bondade do menino foi crescendo ficando gigantesca.

        O menino, como estava tão cansado, adormeceu aos pés da flor… A flor, ao ver o menino a dormir, deixou cair uma das suas pétalas em cima dele como se fosse um cobertor.

        Do outro lado da aldeia, os pais começaram a ficar aflitos com o desaparecimento do seu filho e foram procurá-lo. De tanto procurar, encontraram-no a dormir aconchegado com a pétala da flor. Ficaram surpreendidos ao ver a maior flor do mundo e o seu filho a dormir aos seus pés.

O menino acordou e deu-lhes um enorme abraço. Foram os três felizes para casa e pelo caminho, o menino viu o besouro e disse-lhe adeus percebendo que o lugar do besouro era em liberdade na floresta.

        Se todos os humanos fossem como o menino da nossa história e ajudassem a natureza, contribuiríamos para viver num mundo melhor! É importante salvarmos a natureza!

 Alunos do 4.º ano

4 comentários:

Marina Carrilho disse...

Adorei, adorei, adorei mesmo esta história, parabéns aos meninos e meninas, tiveram muita imaginação. Continuem assim.
Beijinhos a todos.
Marina Carrilho

Débora Barroqueiro disse...

Marina, correu muito bem esta atividade! Primeiro vimos um vídeo baseado na história "A maior flor do mundo" de José Saramago: https://www.youtube.com/watch?v=YUJ7cDSuS1U
Depois escrevemos nós a versão da história e por fim é que lemos a história verdadeira do autor! Foi muito interessante encontrar as diferenças e semelhanças entre ambas as histórias!

Marina Carrilho disse...

Muitos parabéns à Professora por proporcionar estes momentos lindos e mágicos aos nossos meninos.
Beijinhos

Anónimo disse...

Gostei muito de ouvir a história de José Saramago.






Madalena-4ºano